Como falar de preconceito com seus filhos

296849_424394710939869_995223955_n

Meu filho saiu de manhã para comprar pão e cumprimentou um homem negro de manhã: –Bom dia! e uma criança de 6 anos que o acompanhava disse: – Não fale com essa pessoa negra, ele é sujo!

Meu filho chegou em casa e falou: –Mãe, você precisa conversar com ela sobre preconceito!

Achei bom o meu filho ter uma grande noção do que é ter preconceito. Mas infelizmente fiquei muito mais chocada de ver como o preconceito está perto de nós. Porque é muito triste ver uma criança de 6 anos, que não tem nem noção de conceito, ter um comportamento assim. Se é dessa forma é porque ainda existe um adulto por trás que incute nessa pequena pessoa valores preconceituosos e sabe-se lá quais outros valores deformados que, definitivamente, nossa sociedade não precisa.

Eu quero um Brasil para meus filhos melhor do que eu encontrei, e encerrar com o preconceito, em qualquer tipo de segmento, seja por pessoas negras, obesas, deficientes ou com uma condição social menor é pra mim uma prioridade.

Eu falo com meus filhos sobre preconceito da melhor forma possível:

Falando a verdade: Somos todos seres humanos. Assim como existem cães de várias raças, existem humanos de várias raças. Nenhum cão é melhor que outro, nenhum ser humano é melhor que outro. Todos os cães que se destaca é por conta de um empenho ou talento que todos tem condição de desenvolver, e com os seres humanos é a mesma coisa. Todos os seres humanos, tem condições iguais de desenvolver seus talentos. Nenhum é mais que outro e sim com características diferentes.

Se não bastar esse argumento, aqui tem uma cartilha de como tratar sobre preconceito com seus filhos. O que não pode é deixar esse mal se alastrar como uma doença. É tão contagioso o quanto.

Aqui tem um link com o Playlist com as chamadas da campanha contra o preconceito.

O dia 21 de março marca o Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial. E é inaceitável que no ano de 2013, os adultos ainda ensinem às crianças que somos diferentes, mesmo num país tão miscigenado e com uma história como a nossa.

Para ver: (E descontair, se for possível)

preconceito, racismo, dia internacional, diversidade, racial, discriminação